terça-feira, 9 de junho de 2015

AS 10 VIAGENS DE CARRO MAIS BIZARRAS JA REGISTRADAS



1 - O homem que dirigiu de Arizona até Michigan com um cadáver no carro
Tristeza e amor têm levado muitos à loucura. O nativo de Detroit de 62 anos de idade Ray Tomlinson estava dirigindo do Arizona para Michigan com sua mãe de 93 anos e com sua namorada de 31 anos de idade na van, quando a viagem teve um desfecho trágico. Em algum lugar entre Oklahoma e Texas, a namorada de Tomlinson faleceu. Ray, resolveu, continuar a viagem pois ele acreditava que havia uma janela de 48 horas para relatar mortes ocorridas. A polícia encontrou uma garrafa vazia de OxyContin no veículo e acredita que a mulher pode ter tido uma overdose da medicação. Ela tinha sido hospitalizada mais de nove vezes no Arizona devido a questões relacionadas com saúde mental e drogas. Um funcionário do hospital Arizona descobriu sobre o falecimento da mulher quando ligou para ver como ela estava. Quando a família retornou a Michigan, eles foram recebidos pela polícia. O corpo já estava começado a se decompor. Felizmente para Tomlinson, ele não é um suspeito na morte de sua namorada. Ele foi considerado apenas esquisito mesmo.



2 - O homem que viajou ao redor do mundo 20 vezes
Quando o Muro de Berlim caiu, Gunther Holtorf começou a viajar com sua esposa em seu Jipe Mercedes Benz  que eles carinhosamente apelidaram de "Otto". O que começou como um viagem à África de 1 anos e meio foi ampliado em uma 500.000 milhas. Para colocar as coisas em perspectiva, Gunther Holtorf ja deve ter viajado 20 vezes a distância de uma volta ao redor do planeta. É difícil encontrar um lugar no mapa que Gunther não visitou. Ele foi para o Iraque durante a guerra, Cuba e até mesmo a Coréia do Norte. Gunther evita tecnologia e usa apenas um par de câmeras Leica de filme bem antiga que ele utiliza para fotografar tudo em sua jornada. A esposa de Guther morreu em 2010, mas ele continuou sua jornada com outros companheiros e se aposentou quando voltou ao local de partida em 2014.



3 - O casal sua missão para reduzir o consumo de combustível
Em janeiro de 2006, John e Helen Taylor embarcaram em uma viagem que, passou por 25 países em menos de 70 dias. Seu objetivo era viajar com apenas 50 tanques de gasolina. O casal é obcecado por reduzir as suas despesas com combustível. Na verdade, John dá todo o dinheiro que ele economiza em gasolina para a esposa. John diz que, seguindo algumas dicas simples, como só parar em estacionamentos gratuitos, evitar o tráfego da hora do rush e usar de combustível eficiente em termos de energia (Normalmente Shell), ele economiza dinheiro. O casal completou sua jornada em 78 dias e fez na média 52 milhas por galão e usou apenas 24,4 tanques de combustível.



4 - A família que tem estado na estrada desde o ano 2000
Herman e Candelaria Zapp e seus quatro filhos formam uma família bastante singular. Eles têm viajado desde o ano 2000 e todos os seus filhos nasceram durante a sua jornada épica. Herman e Candelaria eram namorados de infância e estão juntos desde que ele tinha 10 anos e ela tinha 8. Eles passaram os primeiros dias como um casal tentando se estabelecer na Argentina. No entanto, Herman diz que mesmo tendo tudo, algo parecia faltar. Eles conversaram sobre dar a volta redor do mundo antes de se casarem e decidiram fazer essa viagem em um antigo Graham Paige 1928 (modelo 610) antes de terem filhos. O que começou como uma viagem para o Alasca nunca terminou. Cada um de seus filhos nasceu em um país diferente e são educados na estrada, reunindo experiências educacionais exclusivas ao longo do caminho.



5 - O homem que viajou 12.000 milhas em um Tesla
Muitos acreditam que o futuro é elétrico e a Tesla Motors é considerado uma das portadoras da tocha do futuro. Mas estamos prontos para abraçar esse futuro? Norman Hajjar acredita que estamos. Para provar seu ponto, Hajjar saiu em uma viagem pelo país que abrange 12.000 milhas em seu Tesla Modelo S em abril de 2014. A viagem de Hajjar foi parte da viagem épica American Road, patrocinada pela empresa. O Tesla passou por 28 estados em uma jornada em ziguezague para baixo chegando a ambas as costas, eatravessou o país duas vezes. A chave para o sucesso da viagem foi estações de carregamento da Tesla, que podiam recarregar o carro em menos de 20 minutos, em comparação com outras infra-estruturas de carregamento que levam no mínimo 5 horas para recarregar. Hajjar também acredita que estes carregadores pode ser a chave para o crescimento de veículos elétricos se eles estiveram colocados em locais estratégicos ao longo da rodovia. Hajjar não só completou com sucesso a sua viagem de 12 mil milhas, mas também quebrou o recorde de maior kilometragem sem parar em um veículo elétrico.





6 - O casal que ganhou três recordes mundiais em viagem
Liliana e Emil Schmid estão na estrada desde 16 de outubro de 1984 em uma velha picape e continuam. Se você acha que eles estão simplesmente se divertindo, pense novamente. O casal entrou no Guinness Book of World Records três vezes até 2014. A sua primeira entrada foi em 1997, quando eles completaram 451.213 quilômetros depois de viajar através de 117 países. A segunda foi em 2009 após cobrir 641.115 km e viajar através de 162 países. O terceiro e mais recente registro foi em abril de 2013 cobrindo 677.281 quilômetros.



7 - O robô em uma viagem épica
HitchBOT, se você ainda não adivinhou, é um robô que está em uma viagem épica por todo o Canadá. O HitchBOT tem um computador que é protegido por uma tampa ressistente, um torso feito de painéis solares e bóias de piscina como braços. O robô tem polegares e pega carona contando com uma interface para ajudar a interagir com qualquer um que possa leh oferecer carona. O robô vai twitando enquanto viaja e postando selfies com estranhos que encontra pelo caminho.



8 - Os pais que viajaram por todo o país com os restos mortais de sua filha
Krissy Lynn Werntz e Jason Michael Hann são um casal da Califórnia que tem a distinção de ter viajado por todo os EUA com uma bagagem bem estranha. Os restos mortais de sua filha bebê. O casal foi preso em 2002 depois que não conseguiu pagar o aluguel de uma unidade de armazenamento em Arkansas onde tinham escondido o corpo de sua filha. A polícia descobriu que a menina de nome Montana morreu em Desert Hot Springs, CA em 2001. A menina foi espancada até a morte por Hann. A cabeça do bebê de 10 semanas de idade estava enrolada com fita adesiva e ela foi colocada em um saco de lixo. O casal então a levou da Califórnia até o Arkansas para esconder o corpo. Em uma reviravolta ainda mais triste de eventos, a polícia encontrou outro corpo que pertencia a um menino de 2 meses de idade em uma unidade de armazenamento separada no Arizona. O menino também era filho de Werntz e Hann. Ele morreu em algum momento do ano 2000, e o corpo foi descoberto cerca de 18 meses após a sua morte. Também foi descoberto que o casal teve um terceiro filho, um menino de 1 mês de idade, que estava vivo, mas com cerca de de uma dúzia de costelas quebradas e hemorragia de retina. Ele já foi colocado em um  orfanato e adotado. Hann foi condenado por dois assassinatos e sentenciado à morte em 2013. Werntz não foi condenada pelo assassinato do menino, mas foi condenada à prisão perpétua pelo assassinato de Montana.



9 - O homem que cruzou o país servindo Bacon
 O que você acha que pode conseguir com 3.000 libras de toucinho? Se você respondeu apenas obesidade, você está errado! Josh Sankey provou isso. O ator / comediante viajou de Nova York para Los Angeles em nada mais nada menos que um trailer cheio de bacon que era usado como moeda. O bacon pagava tudo, desde hospedagem até despesas de alimentação e viagens. Não só ele conseguiu ótimas acomodações, como também conseguiu bilhetes para um jogo Jets, uma tatuagem e muito mais. A viagem de Josh era um golpe publicitário apoiado por Oscar Mayer e reuniu mais de 2.400 seguidores no Twitter , juntamente com mais de 730 mil likes no Facebook. Então pode acreditar, bacon pode levá-lo a vários lugares e Josh Sankey é a prova viva disso!



10 - A mulher que viajou de Houston a Orlando usando uma fralda
Já imaginou o que os astronautas fazem enquanto não no espaço? Se você adivinhou que eles fazem uma viagem de mais de 1440 kilômetros usando fraldas, você acertou! Estamos falando de Lisa Marie Nowak, que foi preso no aeroporto de Orlando em fevereiro de 2007 sob a acusação de seqüestro. Esta mãe de três filhos estava envolvido romanticamente com um piloto da NASA de nome Willian Oefelein. Oefelein, também estava envolvido com a capitão da Força Aérea Colleen Shipman. Nowak viajou  1440 kilômetros para confrontar Shipman e Oefelein e no verdadeiro estilo NASA e usava uma fralda para evitar paradas para ir ao banheiro. Ela também usava um casaco, uma peruca e e estava armada com spray de pimenta. Além disso, a polícia encontrou uma pistola de ar, luvas de látex, sacos de lixo, uma faca e tubos de borracha em seu tronco, que ela tentou se livrar de antes da polícia chegar. Ela foi acusada de roubo, destruição de provas e acabou por ser libertada sob fiança. Não é todos os dias que os astronautas se envolvem em triângulos amorosos que os levam a uma estrada enquanto vestem uma fralda para resolver as coisas de mulher para mulher. Nowak foi suspensa, rebaixada de capitã para Comandante da Marinha e expulsa do Exército.


Aproveita que você ja esta aqui e assista um dos meus vídeos. É rapidinho!!!
Se gostou, se inscreva em meu canal! Só clicar em "Inscrever" ai embaixo.

←  Anterior Proxima  → Página inicial
Postar um comentário